Exposição “Olhos da Vida” na Galeria Municipal até 30 de abril

A exposição “Olhos da Vida… Quatro Anos Depois”, com pinturas de Luísa Maria Cordeiro Rodrigues Tomé, foi inaugurada este sábado, 3 de março, na Galeria Municipal de Proença-a-Nova, contando com a presença de familiares e amigos da artista, que faleceu em 2013, e ainda de representantes da MagnaLingue, associação que promoveu a exposição, e o vice-presidente da autarquia. João Manso referiu que esta era uma justa homenagem a uma artista que sempre se relacionou com o concelho de Proença-a-Nova, nomeadamente com a Sobreira Formosa, e agradeceu à família a oportunidade de estas obras serem apresentadas ao público. Destacou igualmente o dinamismo da Galeria Municipal, localizada no Parque Urbano Comendador João Martins, que dá oportunidade a artistas de exporem o seu trabalho, com ou sem ligações ao território.

Natural do concelho de Santarém, Luísa Tomé casou em Sobreira Formosa, onde chegou a residir por longos períodos de tempo. “Autodidata manifestou o seu saber e a sua sensibilidade, usando o que mais gostava de fazer traduzindo na tela os seus afetos e sentimentos”, revela a família. “A coleção que nos deixou é o resultado do seu trabalho, da sua criatividade, mas também da sua ligação a cada um de nós. «Os olhos da vida» retratam bem a simplicidade, mas sobretudo toda a força e vontade de fazer melhor”, acrescenta Odete Murcho, prima de Luísa Tomé. Em vida, a autora não realizou qualquer mostra ou exposição por decisão própria. As obras, emprestadas pela família para a exposição, podem ser apreciadas até 30 de abril.

Fotografias da inauguração disponíveis na página oficial do Facebook do Município.

2018-03-06