Toponímia

 

Uma placa com um nome é muito mais que a soma final de letras. Quando se circula por uma localidade e se leem as sucessivas designações de ruas, largos ou pracetas, percorre-se um pouco da história desse local, das memórias e vivências coletivas. A toponímia não é apenas um instrumento para delimitar espaços: é um crivo que ajuda a escolher as personalidades, factos ou tradições que conquistaram o direito a ser perpetuados e inseridos no quotidiano de uma aldeia, vila ou cidade.

Em paralelo com a operação que tem permitido, em todo o concelho, ouvir sugestões das populações e preencher com novos nomes povoações até há pouco despidas de registos, foi criado um blogue onde cada nome é pretexto para viajar através de vidas e memórias que fazem parte de todos nós. Uma viagem que se quer dinâmica, por isso não só queremos a todo o momento melhorar e aumentar a informação disponível, como contar com as sugestões e complementos de quem nos lê. É entre a população que quase sempre surgem os nomes em uso, consolidados pela tradição. É à população que cabe, antes de mais, salvaguardar a memória que é sua. Que é nossa e diariamente construída por nós.