Laboratório de análises de vinhos do CCV da Floresta em franca expansão

Na época de 2017, que compreende o período entre agosto de 2017 a janeiro de 2018, foram analisadas 3.446 amostras entre tintos, brancos e rosés no Laboratório de Vinhos do Centro Ciência Viva da Floresta, um número que representa um aumento de mais de 1.600 amostras comparativamente à época de 2016 (entre agosto de 2016 e janeiro de 2017). Registou-se igualmente 118 novos clientes deste serviço.

O CCV da Floresta disponibiliza desde julho de 2012 este laboratório de análises de mostos e vinhos, que época após época tem registado aumentos ao nível do número de amostras recebidas e, consequentemente, do número de análises efetuadas. Este laboratório tem a finalidade de prestar serviços no controlo de maturação das suas uvas para planear a data da vindima e correções a realizar, análise de vinhos bem como prestar apoio em todo o processo de elaboração do vinho.

Inaugurado em 2007, o CCV da Floresta, além de promover a cultura científica e tecnológica na sociedade e paralelamente às visitas escolares e atividades para crianças, tem promovido novas apostas, que permitiram apresentar soluções aos agentes económicos regionais, exemplo disso é o Laboratório de Análise de Vinhos que funciona desde 2012. “Este laboratório foi uma forma de aproximar a população do nosso Centro, principalmente os pequenos e médios produtores de vinho da região”, sublinha Edite Fernandes, diretora executiva do CCV da Floresta, acrescentando que os clientes deste serviço se tornam visitantes do centro: “muitas vezes voltam com as famílias para visitar a exposição permanente ou participar nas atividades que o CCV da Floresta oferece”.

Ph, acidez total e volátil, dióxido de enxofre total e livre, título alcoométrico volúmico adquirido, fermentação maloláctica, massa volúmica a 20ºc. pacote de controlo de maturação de uvas, Peso de 200 bagos; peso por bago; acidez total; pH; título alcoométrico volúmico provável são as análises que são realizadas às amostras de vinho.

Em 2018 volta a realizar-se o Concurso de Vinhos, promovido pelo Município de Proença-a-Nova em parceira com o CCV da Floresta, inserido no 2ª Festival da Adega Típica, que acontece a 14 e 15 de abril, e que irá distinguir mais uma vez os melhores vinhos produzidos no concelho de Proença-a-Nova. O objetivo deste concurso é premiar os produtores amadores da arte de fazer bom vinho. Mais informações brevemente em www.cm-proencanova.pt.

2018-01-29